Apresentações visuais rabiscadas vencem os slides

Você tem uma apresentação importante, quer surpreender, e não sabe como? Esqueça os slides e invista no flip chart e nas canetinhas!


Os cursos de criação de apresentações estão em alta. Todo mundo quer encantar o público e conseguir fisgar a sua atenção plena, por 10 minutos que seja. Mas é uma tarefa árdua em tempos hiperconectados… Quem diria que o o velho e bom flip chart pode fazer mi-la-gres pela sua apresentação?


Em se tratando de apresentar, estão na moda o storytelling, os slides sem texto, com fotos profissionais ou gifs animados. Tudo arrematado com um lindo design, coisa fina! Mas você, que não tem formação gráfica nenhuma, fica se perguntando que app vai te salvar nessa, certo? E se eu te disser que a salvação vem à cavalete?! Com papel montado e muito movimento corporal envolvido?





O seu cérebro é programado para acompanhar movimentos. Nada pode chamar mais atenção do que uma pessoa falando, gesticulando e desenhando para concatenar ideias. Quando você inicia um desenho, um rabisco que seja, o interlocutor não consegue descansar enquanto ele não vê a imagem completa. Nem precisa correr, tome seu tempo. Não exagere nos detalhes, mas complete seu rabisco. Lembre-se: é um meio de comunicação, não, arte!


Percebeu que as pessoas estão um pouco entediadas? Parece que não era bem isso o que elas queriam escutar? Pergunte, interaja, mude de rumo. Você não está preso no conteúdo do próximo slide. Sua apresentação é, literalmente, uma folha em branco.


A interação merece destaque, pois a comunicação mudou e ninguém mais é receptor passivo de informação. Então quando alguém falar algo bacana, anote, mostre que você escutou e valorizou. E prepare-se para em vez de uma audiência mosca morta ter fãs! Experimenta e me conta, heim?




  • Instagram - Black Circle
  • facebook-square
  • LinkedIn - Black Circle
logo kairos quadrada.png

© 2019 Carolina Ramalhete ME | kairos arte da conversa